O Futuro da Construção Civil – BIM – Comentários Pugas – Velseg Seguros | | Velseg

Esta semana participamos de um Painel organizado pelo I9 com o seguinte tema: O Futuro da Construção Civil. O Painel foi ministrado por Ricardo Cardinal, Coordenador de Conteúdo da Universidade Autodesk aqui no Brasil. De cara ele já soltou o Frase. “Se depender do futuro, não será mais necessário desenhar!!!

Esta frase foi o ponta pé inicial para se falar de BIM (”’Building Information Model”). BIM é uma forma integrada de se desenvolver e executar projetos. Através do BIM é possível desenvolver e executar diversas etapas num mesmo ambiente. Ou seja, esqueça aquele monte de papel um em cima do outro, com várias pessoas em volta tentando encaixar o projeto hidráulico, estrutural, elétrico, incêndio, etc. Isso acabou. Hoje é tudo feito em 3D. E uma destas ferramentas é o Autodesk.

Se você quiser saber mais sobre este sistema procure a Zillion. Vamos deixar aqui os telefones de contato.

Sobre o BIM, não vamos nos aprofundar neste assunto, entretanto queremos pontuar alguns detalhes interessantes da apresentação. BIM, surgiu há mais de 20 anos, e não estamos falando de futuro. Estamos falando de presente. Várias empresas já estão adotando esta metodologia no dia a dia das suas construções.

Um dos problemas do Brasileiro é a pressa. “Temos 2 meses para fazer o projeto. Em 90 dias queremos começar a obra”. Não é assim o dia a dia de você amigo Engenheiro? Entretanto, um dos principais desperdícios de dinheiro na obra se deve a projetos mal elaborados.

Pessoal, vejam alguns números interessantes.

Impacto financeiro de uma obra mal planejada
9% Retrabalho por falta de compatibilização
88% Plantas sofrem adequação durante a execução
6% Prejuízo já previsto
3,5% Perda de produtividade
23% dos Projetos passam por revisão
45% das plantas passam por revisão após o início da execução
5% São gastos com reparos em obras recém concluídas

Além disso, o tempo gasto durante a execução
58% Tempo Improdutivo
42% Tempo Produtivo

Um bom projetista tem que se preocupar não só com a estrutura da obra mas também com a execução, manutenção e até numa possível demolição no futuro. Demolição. Nunca tinha pensado nisso. Mas faz todo sentido.

Entretanto, o que me chamou mais a atenção foi o custo com manutenção. Um ar condicionado mal planejado ou o posicionamento errado de janelas poderá gerar um excesso de iluminação sobrecarregar o ar condicionado aumentando de forma desnecessária o custo com energia elétrica por anos.

Durante a apresentação, vimos diversas possibilidades de se reduzir o custo de manutenção de uma obra, como por exemplo rotacionar o prédio em 10 graus para aproveitar melhor a iluminação natural, ou então posicionar as janelas em lugares estratégicos para se aproveitar as correntes de vento da região. Neste momento, olhei para os lados e percebi que estava dentro de um auditório sem nenhuma janela, com várias luzes e com o ar condicionado ligado.

Do meio para o final falaram de Designer Generativo, que nada mais é do que as máquinas gerando milhares de opções, moldes, estruturas em busca do melhor resultado. Imagine você virando para o computador e dizendo para ele. “Computador, eu quero 50 apartamentos, com 1 vaga de garagem, 2 quartos, 1 sala, 2 banheiros e que gastem o mínimo de energia possível com iluminação” Neste instante um algorítimo irá simular as milhares de possibilidades até chegar num modelo ideal.

Para ilustrar melhor isso, Durante a apresentação eles colocaram um vídeo de um ponte projetada por algorítimos e executada por robôs, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Já caminhando para o final, eu lhe convido para uma reflexão: Como será o trabalho na construção civil no futuro?

No caso do BIM, todo o projeto é desenvolvido na nuvem e, por isso, uma pessoa em qualquer lugar do mundo, conectado a internet, pode cuidar do projeto de uma obra. Na execução será necessário cada vez mais a utilização de dispositivos tecnológicos como smartphones, tablets, notebooks e conhecer um pouco destes sistemas.

Senão meu amigo, o mercado de trabalho ficará pequeno para vocês.
Espero que vocês tenham gostado deste vídeo, eu vou deixar alguns links aqui.

Se você ainda não tem seguro dos seus funcionários entre em contato. Nós da Velseg somos especializados em seguros para atender convenções coletivas de trabalho, Inclusive da Construção Civil. Velseg Seguros, Tranquilidade com Simplicidade.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *